Páginas

domingo, 19 de setembro de 2010

Uma mente sem lembranças. [Um conto de amor e drama]

  Era aniversário da minha filha e estávamos muito animadas. Eu sei dos mínimos detalhes pois minha mãe me contou tudinho do que aconteceu. Se ela não tivesse me contado, até hoje não saberia de nada(eu sei,mas não lembro de nada). Fui esperar o pai dela no aeroporto (ele trabalhava fora do país e veio fazer uma surpresa pra minha filha). Peguei meu carro e fui sozinha até o aeroporto. Estava muito feliz,pois iria vê-lo depois de meses. Tudo ia muito bem até que eu não vi que havia um carro na contra mão. Com o impacto, bati minha cabeça com toda a força no carro e entrei em coma. Minha mãe disse que fiquei durante meses inconciente e depois quando acordei não lembrava de mais nada. Minha memória não tinha mais recordações. Era como se eu tivesse nascido naquele momento. Aos poucos as cicatrizes foram desaparecendo,mas as minhas lembranças ainda não apareceram. Aos poucos minha mãe ia contando tudo o que aconteceu no meu passado. Eu ia anotando tudo o que ela me dizia, pois provavelmente eu não me lembraria no dia seguinte. Um dia ela teve a ideia de contratar um profissional para me ajudar a recuperar aos poucos minha memória. Ele era tão compreensivo e dedicado ao meu caso que acabei me envolvendo de mais e o que eu nunca queria que acontecesse acabou acontecendo. Me apaixonei só que fingia que nada estava acontecendo, pois podia colocar tudo a perder. Sentia que ele estava se envolvendo também e por mais que eu queria fugir de tudo aquilo eu não conseguia, pois já não respondia pelos atos do meu coração e estava muito difícil de controlar...


Continua...


*Personagem fictício

3 comentários:

  1. Oi estou te seguindo aqui também,seu conto está bem escrito.Conheça o blog do grupo de poesia que participo, somos vários poetas e nos apresentamos publicamente, sábado próximo teremos sarau, está no blog a chamada.Felicidades
    http://po-de-poesia.blogspot.com

    ResponderExcluir

Back to Top